Escreva para expressar, não para impressionar.

Ferramentas Dramáticas

Por Diego Schutt em 12/02/2020 Tópicos: Dicas, Escrever Ficção, Técnicas
0
2

Dramatizar é apresentar em forma de cena, permitindo ao leitor testemunhar um momento se desenrolando em “tempo real”, criando mais proximidade com os personagens e gerando um envolvimento maior com a história.

Ferramentas Dramáticas são técnicas para dar dinamismo para o texto.

Ação

Ação é qualquer acontecimento concreto ou atitude de um personagem. Pode ser usada para caracterizar personagens através de seus comportamentos ou desenvolver o enredo da história. O enredo é a linha de ação da narrativa, ou seja, uma sequência de acontecimentos que, cena a cena, vai alterando as circunstâncias da história, criando um contexto para seu desfecho.

Tensão

Tesão é resultado da introdução de acontecimentos chocantes ou obstáculos concretos para um personagem com o objetivo de capturar a atenção do leitor. É uma ferramenta dramática usada para criar um senso de dinamismo e excitação imediata no texto.

Surpresa

Surpresa é um acontecimento inesperado, seja por sua intensidade ou imprevisibilidade. É uma ferramenta dramática usada para subverter as expectativas do leitor sobre a história e sugerir a imprevisibilidade do enredo.

Revés/Plot Twist

Revés é quando o que acontece é exatamente o oposto do que era esperado. Em narrativas de ficção, uma situação de revés acontece quando as expectativas dos leitores a respeito do que iria acontecer em uma determinada cena – criadas com base em hipóteses lógicas implícitas no contexto da história – são surpreendidas quando o contrário do que eles esperavam acontece.

Ironia Dramática

Ironia dramática é quando o leitor sabe mais sobre um evento ou uma situação do que os personagens da história. Isso cria um senso de apreensão e empatia porque o leitor sabe o que vai acontecer ou pode acontecer com os personagens, mas eles não sabem. O uso de tal ferramenta desperta um desejo quase irresistível de eliminar a tensão criada pela ironia dramática.

Ironia Verbal

Ironia verbal é quando um personagem ou narrador diz alguma coisa, mas tem a intenção de expressar o oposto do que diz. Essa ferramenta é um sinal para o leitor de que o significado do texto não deve ser interpretado literalmente, considerando apenas as palavras usadas, mas sim dentro do contexto em que foram ditas.

Diálogo

Um diálogo é uma troca de ideias entre dois ou mais personagens, que permite aos leitores tomar contato direto com eles sem a intermediação de um narrador. Diálogos colocam os personagens em frente ao leitor e criam a sensação de que a cena está acontecendo em tempo real.

A escrita passou a ser fonte de ansiedade e angústia para você? Reencontre o prazer de escrever.  CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS.

Sobre o Autor

Diego SchuttLer todos os textos de Diego Schutt
Diego Schutt combina ideias de teoria literária, dramaturgia e psicologia social para ajudar escritores iniciantes e experientes a desenvolver textos com mais confiança, foco e impacto. Sua formação técnica em escrita criativa inclui cursos e oficinas no Brasil, Austrália, Suíça, Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra e Japão. Há 10 anos, ele escreve e edita o Ficção em Tópicos, o site mais completo sobre storytelling em Português.

Seja o primeiro escritor a comentar sobre este texto

Gostou do texto? O autor vai adorar saber. Deixe um comentário e compartilhe o artigo com outros escritores.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copyright 2010-2019 Diego Schutt - Todos os Direitos Reservados | Ficção em Tópicos