Aprenda a criar realidades com palavras

Exercite sua criatividade para criar histórias jogando dados.

Por Diego Schutt em 19/04/2012 Tópicos: dicas
2
1

Rory’s Story Cubes é um jogo que ajuda a exercitar o pensamento criativo e a fluência de improvisação. Cada face de cada um dos 9 dados tem uma imagem diferente. A ideia é que você lance os dados, examine cada uma das figuras e deixe a sua imaginação criar uma história conectando todos os desenhos. É uma ótima ferramenta para utilizar durante uma sessão de brainstorming.

Cada um dos 9 dados tem 6 faces, totalizando 54 imagens. Isso significa que em cada lance, existem mais de 10 milhões de combinações para você usar como ponto de partida para começar sua história.

Não examine as imagens profundamente. Deixe sua imaginação fluir e a história vai se revelar através dos dados e, no processo, vai despertar criatividade, liberdade de expressão, ou mesmo outras ideias.

Para quem quer aumentar ainda mais as possibilidades de combinação de imagens, você pode adicionar ao jogo o Rory’s Story Cubes: Actions, que contém 9 dados com 54 imagens que representam ações.

Para os aventureiros (como eu), ainda existe a possibilidade de adicionar ao jogo o Rory’s Story Cubes: Voyages, que contém 9 dados com desenhos que inspiram histórias de aventuras épicas.

Você pode comprar os jogos online diretamente no www.thecreativityhub.com/shop

 

 

Aprenda a plantar ideias e colher histórias.

O Jardineiro de Ideias é um curso/oficina ONLINE que ensina a escrever ficção de um jeito mais intuitivo, espontâneo e criativo. CLIQUE AQUI para saber mais.

2 escritores têm algo a dizer sobre este texto

  1. Gean Riwster 20/04/2012

    Bem legal a idéia,só falta bufunfa pra comprar…

    Havia visto um jogo semelhante a esse,de criar histórias por meio de um jogo no livro “Diário de Um Banana”,acho que o segundo da série se não me engano.Fiquei admirado como aquilo era reconfortante e liberal,o qual eu podia fazer qualquer coisa com meus feixes criativos sem me preocupar com detalhes em demasia,ou com coisas como se a história tá idiota pra caramba,de revisão,se precisa cortar…cara,uma liberdade tão gostosa que faz lembrar novamente porque você gosta de escrever.Mas se fosse para realmente revisar tudo aquilo que disse,acho que você iria pensar “Putz,eu disse isso aqui?!”,pensando de onde saiu aquele segmento besta,e ao menos eu,riria com isso.E por isso,neste jogo,tem uma divisão entre a casualidade de pessoas se divertindo,sem se importar com qualidade ou se outros se envolverão.Mas isto realmente acaba evoluindo o escritor por envolver escrita,mesmo sendo de uma forma oral.

    “Até onde você é escritor?”.Acho que sinto saudades destas histórias onde se pode pensar em escrever qualquer coisa sem se importar se os outros vão amar ou odiar.

    Vlw pela dica 😉

    Abraços

    Gean Riwster

  2. Diego 21/04/2012

    Oi Gean

    Não conheço esse livro que você mencionou, mas o jogo parece ser similar ao Rory’s Story Cubes. A ideia é que você permita sua imaginação fluir sem se preocupar com os resultados.

    É uma ótima forma de se reconectar com o prazer de criar histórias, em especial para aqueles que perderam o prazer em escrever porque colocam muita pressão sobre si mesmos.

    abs
    Diego

Gostou do texto? O autor vai adorar saber. Deixe um comentário e compartilhe o artigo com outros escritores.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Copyright 2010-2017 Diego Schutt - Todos os Direitos Reservados | Ficção em Tópicos